People Analytics desponta como um dos principais recursos do RH do futuro

People Analytics desponta como um dos principais recursos do RH do futuro

Dados permitem entender fenômenos do ambiente de trabalho, com precisão estatística

People Analytics (PA) despontou como principal tendência nos setores de recursos humanos, na atualidade. De acordo com pesquisa realizada pelo Linkedin, com 7.089 recrutadores de 35 países, a ferramenta apareceu como a principal novidade do segmento para 2020.

Embora o conceito não seja tão novo assim, o desenvolvimento tecnológico do Big Data e da inteligência artificial (IA) possibilitou o cruzamento de milhares de informações psicográficas (comportamentais e motivacionais), focadas em pessoas e nas atividades de trabalho. Na prática, o PA é uma metodologia de avaliação que mistura software com modelos que avaliam o perfil e o desempenho do trabalhador.

Segundo o coordenador do Laboratório de Gestão do Comportamento Organizacional (Gestcom), da Universidade do Pará (UFPA), Thiago Dias, o PA auxilia os gestores a tomarem decisões, antes pautadas apenas no que eram capazes de observar no ambiente de trabalho. “E quanto aquilo que não conseguiam captar? Agora, os dados são coletados de diferentes fontes, com métodos científicos, e analisados de forma precisa e adequada”, explica.

Entre as funções da metodologia está identificar comportamentos, preferências e lacunas de competências que precisam ser desenvolvidas. Também fornece dados para diminuir a rotatividade e proporciona melhoria de engajamento, retenção de talentos e aumento da produtividade.

Clique aqui e leia o restante da matéria, sobre os tipos de análises possíveis no PA e as precauções que devem ser tomadas.

Fonte: Por Leon Santos – Assessoria de Comunicação CFA

Fechar Menu